Evento "Resistir, construir e avançar" discute o fortalecimento da identidade étnico-racial e o combate ao racismo

Publicado em 25/07/2022 às 14:36

Evento "Resistir, construir e avançar" discute o fortalecimento da identidade étnico-racial e o combate ao racismo

Em 25 de julho celebra-se o "Dia da Mulher Negra, Latino-americana e Caribenha" e o Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra", uma data marcada pela luta e resistência da mulher negra frente às situações de discriminação racial, social e de gênero. E para fortalecer o diálogo sobre o fortalecimento da identidade étnico-racial, a Prefeitura de Queimadas promoveu a roda de conversa "Resistir, construir e avançar".

A roda de conversa aconteceu no auditório do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Queimadas e teve como facilitadoras a Prof. Dra. Francielle Suênia da Silva, pesquisadora da literatura de autoria feminina afro-brasileira; e a jovem agricultora Adailma Ezequiel Pereira, secretária do Sindicato dos Trabalhadores Rurais e membro da Comissão de Juventudes do Polo da Borborema.

Ambas as facilitadoras são naturais de Queimadas e apresentaram análises enriquecedoras a respeito da temática, com destaque para o combate ao racismo, a promoção da equidade social entre os gêneros e etnias, a necessidade de reafirmação do brasileiro como um povo plural e multirracial, a importância da escola nesse processo de construção  e  transformação social, entre outros pontos.

Na plateia, um público diversificado, entre homens e mulheres de diversas faixas etárias - incluindo estudantes da Escola José Tavares e da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG) - participaram ativamente da roda de conversa, ouvindo as contribuições de cada facilitadora e, posteriormente, também fazendo perguntas e apontamentos referentes à temática.

O evento teve a organização conjunta da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), da Rede de Atendimento às Mulheres (REAM) e do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDM).

Na abertura, a secretária Maria Alzenira Alexandrino e a presidente do CMDM, Isânia Monteiro, destacaram a relevância do encontro para o fortalecimento do empoderamento e das políticas públicas voltadas ao público feminino, especialmente às mulheres pretas, bem como a atuação da gestão municipal para promover as articulações e debates públicos.

Imagens
  • img-0009.jpg
  • img-0071.jpg
  • img-9980.jpg
  • img-9993.jpg
  • img-0038.jpg
  • img-9992.jpg
  • img-0053.jpg
  • img-0046.jpg
  • img-9977.jpg
Tempo
Queimadas - PB
Mín 18ºC
22º
Máx 27ºC
Predomínio de sol

Mais Lidas